Você está em: Inicial » Família Ares e Mares » EMANUEL MEDEIROS VIEIRA – Escritor e poeta – SALVADOR – BAHIA – BRASIL

EMANUEL MEDEIROS VIEIRA – Escritor e poeta – SALVADOR – BAHIA – BRASIL

Emanuel Medeiros Vieira nasceu em Florianópolis, SC, em 31 de março de 1945.

Residiu em Brasília durante 32 anos.

Atualmente, reside em Salvador.

Formou-se em Direito pela Universidade  Federal do Rio Grande do Sul (1969).

Fundou cine-clubes, grêmios literários, vendeu livros, militou ativamente na política estudantil, exerceu o magistério e o jornalismo, além de redigir discursos parlamentares.

Foi membro do Conselho Editorial do jornal “Movimento” e correspondente em Santa Catarina do semanário “Opinião”.

Publicou 20 (vinte) livros.

Em breve, editará mais duas obras, já escritas.

É detentor de diversos prêmios literários.

 

Recebeu o primeiro prêmio literário em 1966, aos 21 anos, em concurso nacional de contos.

Foi também contemplado com o “Troféu Candango de Literatura”, em 1986, outorgado pelo Sindicato dos Escritores do Distrito Federal pela novela “A Revolução dos Ricos”.

Também foi premiado no II Concurso Nacional de Contos, patrocinado pela Empresa Gráfica da Bahia (EGBA), e Desenbanco, em 1990.

Com os originais do livro “Tremores”, foi contemplado com o “Prêmio Brasília de Literatura”, 1991, promovido pela Fundação Cultural do Distrito Federal.

Concorrendo com 2.316 autores, foi um dos premiados, no ano de 1994, em concurso nacional de poemas promovido pela Prefeitura Municipal de Piracicaba.

Seu poema “Astrolábio” foi premiado no Festival de Poesia, promovido pela Funarte, em Brasília, 2000.

Seu poema “Exílio” obteve o 1° lugar em concurso promovido pelo jornal “Intervalo”, 2001.

 

Em relação a Portugal, Emanuel Medeiros Vieira, obteve o 1° lugar em Concurso de Poemas em concurso patrocinado pela Associação Cultural Luso-Brasileira, de Juiz de Fora, Minas Gerais, em 2001.

Emanuel foi contemplado com o Prêmio Othon Gama D’Eça”, outorgado pela Academia Catarinense de Letras, sendo escolhido O Escritor do Ano – 2002 –, pela publicação do livro de contos “Os hippies envelhecidos”.

O autor obteve o 1° lugar no concurso literário “Prosa & Verso”, 2003, certame de âmbito nacional promovido pela Prefeitura Municipal de Caxias do Sul, RS.

 

Emanuel Medeiros também foi premiado nos Estados Unidos, no 1° Concurso do Condado de Broward, em 1998 – concurso literário internacional, por “conjunto de obra”, nos gêneros conto, poesia e crônica.

 

Entre outros livros, Emanuel Medeiros Vieira publicou pela Editora Ática, “Teu Coração Despedaçado em Folhetins” (contos, l978); pela Editora Movimento, a novela “Love Story Paulistana  (1979);  pela Editora da UFSC, “O Homem que não amava simpósios” (contos, 1989).

Em 200l, foi editado o seu livro de poemas “Inventário da Travessia” (Edições Camboa).

 

Em 2007, o autor teve lançada  pela LGE Editora, de Brasília, a coletânea “22 Contos Escolhidos”, bastante elogiada pela crítica.

Pela Thesaurus Editora, também da Capital Federal, publicou, entre outras obras, “Cerrado Desterro” (memórias, 2008), e “Olhos Azuis- ao sul do efêmero” (romance, 2009), livros que  têm sido  enaltecidos pelos colegas de ofício e críticos literários.

Pela mesma editora, está presente na coleção “Livro na Rua”, volume 34 (2007).

O autor participou de mais de 50 coletâneas de contos e de poemas.

 

A obra de Emanuel Medeiros Vieira foi tema de dissertação de Mestrado na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), defendida e aprovada em 2 de fevereiro de 1997.

Também foi analisada em diversos livros, de autores como Deonísio da Silva, Salim Miguel, Antônio Hohlfeldt e Celestino Sachet.


Emanuel Medeiros Vieira tem textos publicados em inglês, francês e espanhol.

 

Sua obra foi elogiada e estudada, entre outros autores e críticos, por Carlos Drummond de Andrade, Otto Maria Carpeaux, Afrânio Coutinho, Antônio Cândido, Mário Quintana, Moacyr Scliar, Caio Fernando Abreu, Antonio Olinto, Hélio Pólvora, Carlos Appel, Assis Brasil, Anderson Braga Horta,  José Santiago Naud, Ronaldo Cagiano, Salim Miguel, Flávio Cardozo, Silveira de Souza,  Paulo Leminski, Rubem Mauro Machado, Lourenço Cazarré, Ruy Espinheira Filho, Antônio Carlos Vilaça e Léo Gilson Ribeiro

 

Emanuel Medeiros Vieira obteve, em 2010, o Primeiro Lugar no Concurso Internacional de Literatura, promovido pela União Brasileira de Escritores- UBE, categoria romance (“Prêmio Lúcio Cardoso”), pelo seu livro “Olhos Azuis – Ao Sul do Efêmero” (Thesaurus Editora/FAC, Brasília, 2009), considerado o melhor livro no gênero – na avaliação da entidade – publicado no Brasil em 2009.

2 Comentários + Comentar

Deixe um comentário





Voltar à página anterior Imprimir esta página

Patrocinadores

  • logo_aa

Design e Desenvolvimento - MagicSite Internet Solutions